Considerações sobre as nuvens e um poema da Baudelaire



Já faz algum tempo em que em um final de semana eu tirava algumas fotos. Quando voltei a objetiva para o céu, eis que em meio ao azul estavam nuvens brancas em um alto contraste. De imediato me lembrei o poema O estrangeiro de Charles Baudelaire, onde ao final ele fala das nuvens.

“(…) Então! O que é que tu amas, excêntrico estrangeiro? – Amo as nuvens…as nuvens que passam…longe…lá muito longe…as maravilhosas nuvens! ”

Li este poema pela primeira vez no suplemento literário não sei mais se da Folha ou do Estado de São Paulo em uma manhã de domingo. Já se passaram tantos anos…

O que importa é a beleza do poema que me marcou tão profundamente naqueles anos de adolescência, relembrado em uma tarde de sábado, com um colorido especial.

O especial, não é o que está na moda, o que está “in”. É aquilo que nos representa algo distinto, o que nos provoca sensações gostosas e lembranças agradáveis. O especial daquele momento, daquela cena, daquele poema, foi me conectar com a beleza do instante, com as memórias, com o presente constante das minhas atitudes e pensamentos.

Se não fossem os compromissos, teria ficado ali, olhando para o céu. Ficaria ali, registrando em fotografas da máquina e da memória, o andar e o formato das nuvens e seu belo contraste com o azul.

As nuvens representam o efêmero, aquilo que esvanece, assim como muitas coisas em nosso tempo. Elas representam o que não é mais permanente como gostaríamos. Representam o momento, o que ao mesmo está tão perto e tão distante.

Baudelaire soube expressar esta condição de passagem, este recurso de nos posicionarmos fora da multidão, observando o que já não é mais visto, o que passa desapercebido pela moda, pela cultura de massa. Nos convida a dirigir o olhar sobre coisas com as quais convivemos mas já não percebemos.

Elas deixaram de ser especiais, assim com algumas nuvens, … as maravilhosas nuvens…

Esse post foi publicado em Pensamentos e insights e marcado , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s